MENU
PERFIL
FOTOS E FATOS
BREVES E QUENTES
FORA DA ÁREA
OPINIÃO TOTAL
BEM NA FOTO
BOLA CHEIA
BOLA MURCHA
EVENTOS
GIRO GERAL
NEGÓCIO DA HORA
OCORRÊNCIAS
INTERNACIONAIS
ESPORTE
DIVULGAÇÕES
EXPEDIENTE
CLASSIFICADOS
JORNAL FOLHA POPULAR
EDITORIAL
 
COLUNAS
ESPAÇO ESPÍRITA
ESPAÇO EVANGÉLICO
PAI DA MATÉRIA
POR DENTRO DA MODA
SORRISO EM PAUTA
DIREITO & CIDADANIA
ESPAÇO CATÓLICO
ESPAÇO RURAL
 
Enquete
Enquete

Em relação às Eleições de 2018, Uruaçu deverá apoiar apenas candidatos a DEPUTADO ESTADUAL local?

SIM
NÃO
TAMBÉM OS DE FORA
TANTO FAZ

    Votar

    Parcial

Resultado das Enquetes


 

Untitled Document

 
NOTÍCIAS
04-07-2017 20:07
O deputado Humberto Aidar diz que o PT deve apoiar Daniel Vilela para governador de Goiás

O deputado estadual Humberto Aidar diz que uma chapa com Daniel Vilela e Antônio Gomide, se apresentar um projeto consistente, tem chance de eleger o próximo governador de Goiás

O deputado estadual Humberto Aidar, do PT (à esq.), é um realista. Apontado como um dos deputados mais qualificados da atual legislativa, ele afirma que um político não deve criar “expectativas falsas”. Por isso, sublinha, é preciso admitir que o Partido dos Trabalhadores “não tem condições, ao menos do ponto de vista do quadro político atual, de lançar candidato a governador de Goiás. Passou o tempo em que o PT lançava candidato para marcar posição. Não dá mais”.
Humberto Aidar sublinha que o PT caminha para aliar-se ao pré-candidato a governador pelo PMDB, o deputado federal Daniel Vilela (centro) ou o ex-prefeito de Aparecida de Goiânia Maguito Vilela. “Fora disso, é conversa fiada. Já participei de reunião com Daniel Vilela e Antônio Gomide (à dir.). Percebe-se que o peemedebista quer Gomide como vice.” Mas, no caso de compor a chapa majoritária, o vereador por Anápolis prefere disputar mandato de senador. Por que Anápolis na chapa majoritária? Porque se trata do terceiro município com maior número de eleitores e uma área considerada de influência do tucanato. Daniel Vilela acredita que Gomide desestabiliza o PSDB na cidade.
Um dos principais objetivos do PT, a partir de agora, “é reconstruir sua imagem, que está deteriorada”, afirma Humberto Aidar. “O PT era sinônimo de ética, mas isto caiu por terra. Frise-se que a situação do partido já esteve pior, mas, ante o descalabro geral de todos os partidos de grande porte, o quadro já não é tão devastador. Mas também não é bom. Um dos caminhos para a reconstrução da imagem é a coligação que leve a uma vitória eleitoral.”
Uma coisa está definida: o PT não coliga, de maneira alguma, com o postulante do DEM a governador, Ronaldo Caiado. “Há outro fato a considerar: o governador Marconi Perillo é uma águia política e está trabalhando firme para tentar eleger o sucessor, José Eliton. Se não apresentarem um projeto consistente, para além da mera crítica ao governo, as oposições poderão perder mais uma eleição. José Eliton, frise-se, não é nenhuma ‘galinha morta’.”

- Da Redação com Jornal Opção.

Histórico
  » 14-08-2017 15:08 - Dom Messias - 25 Anos de Sacerdócio
  » 08-08-2017 23:08 - Fissura na Ponte do Rio Maranhão
  » 04-08-2017 16:08 - Após desaparecimento de homem, moradores matam jacaré e encontram restos mortais no Tocantins
  » 03-08-2017 16:08 - Mês de férias violento nas rodovias federais goianas
  » 30-07-2017 21:07 - Sempre em ação - Dhone Rodrigues realiza o trabalho ‘formiguinha’
  » 27-07-2017 16:07 - Reconhecimento – Prefeito de Uruaçu recebe Comenda Anhanguera na Cidade de Goiás
  » 07-07-2017 17:07 - A casa caiu! – Desmantelada quadrilha que fraudava vestibulares de medicina em Goiás
  » 04-07-2017 20:07 - O deputado Humberto Aidar diz que o PT deve apoiar Daniel Vilela para governador de Goiás
  » 03-07-2017 16:07 - ENTREVISTA - O novo Kajuru, velho de guerra
  » 29-06-2017 08:06 - Ensino Superior - UEG aprova criação de curso de medicina e direito em sete cidades
veja o histórico completo
  Untitled Document
 Publicidade
 
Google




Untitled Document

© mottafilho.com.br - todos os direitos resevados
Contatos: mottafilho.103@uol.com.br e contato@mottafilho.com.br
(62) 8539-4249 / 8145-2937